Lazer

Se você leu minha ideia para o esporte da cidade, vai concordar comigo que esporte é nada mais do que um lazer também.

Claro que dentro desse lazer, podem sair alguns profissionais. Se acontecer, será ótimo.

Mas e aquelas pessoas, jovens e adultos, que não tem opção de lazer na cidade, seja pela distância ou por motivos financeiros, o que pode ser feito?

Minha ideia é ajudar a abrir espaços de lazer nos bairros. Seja ao ar livre, clubes, escolas, enfim, onde puder ser feito e sempre com a supervisão de um monitor e segurança no local.

Muita gente pode achar que isso custa os olhos da cara. Eu garanto que custa muito menos ter seu filho, pai, mãe, tio, avó, avô, seja quem for, praticando esportes ao invés de ficar ocioso e com a mente vazia. E todo mundo sabe que mente vazia é oficina de esquerdista! Além do que, praticando esportes, a pessoa fica menos propicia a ter problemas de saúde.

Como farei isso?

Parcerias com empresas do ramo de lazer.

Empresas como essa, existem aos montes. Por que não fazer isso para os munícipes?

O custo será debitado dos impostos. É justíssimo!

#CelsoPolido2020